Últimas Notícias »


Aposentados 20/8/2019 16:56:9 » Por Atualizado em 20/8/2019 17:35h

NO SENADO, COBAP VOLTA A DEFENDER JUSTIÇA NAS PENSÕES POR MORTE

Durante as visitas aos senadores, a COBAP voltou a propor mudanças no texto base da reforma da Previdência


Compartilhar no WhatsApp

Na tentativa de alterar o texto da reforma da Previdência que trata da pensão por morte, os dirigentes da Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas (COBAP) e da Federação de Mato Grosso do Sul (Fapems) deram sequência, na manhã desta terça-feira (20), à serie de visitas aos senadores para propor mudanças no texto base da reforma.

Se aprovada, o membro do casal que continua vivo, e se não possuir dependente, terá direito de se aposentar com apenas 60% do valor do rendimento do falecido. 

Nesta semana, a força tarefa de visitas aos parlamentares será realizada pelo presidente da COBAP, Warley Martins, o presidente Fapems, Alcides dos Santos Ribeiro, e os dirigentes do movimento sul matogrossense, Nelson de Araújo, Edir José Celestino, Aníbal Bezerra.

No documento entregue aos senadores, a comitiva questiona o texto aprovado na Câmara Federal e, ao mesmo tempo, a COBAP sugere a garantia aos pensionistas recebimentos até o limite do teto do INSS, que atualmente é de R$ 5.839,45.

Warley Martins elogiou o trabalho feito na semana passada pelas lideranças de Santa Catarina e de Minas Gerais. Segundo ele, os resultados já trazem esperança ao movimento de aposentados.

“Estamos aqui para defender uma previdência social justa e solidária para todos os brasileiros”, lembrou o presidente Warley. "Já começamos colher os resultados com esse trabalho, que é a criação de emendas. O empenho dos dirigentes comprometidos com o movimento dos aposentados têm sido fundamental”, comemorou Martins.

Já o presidente da Fapems, Alcides dos Santos, pediu para que os senadores tenham sensibilidade para analisar o texto que trata da pensão por morte.

"Acredito numa conscientização dos senadores quanto à previdência social. Mexe com a pessoa no momento em que ela mais precisa, que é na velhice. É questão de humanidade", ponderou Alcides.

Hoje, a comitiva foi recebida pelo senador Nelsinho Filho, que prometeu analisar a proposta junto aos técnicos do gabinete.

 

 




NOTÍCIAS RELACIONADAS


13/9/2019 10:0:43
OBESIDADE VERSOS LONGEVIDADE

Cobap − Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas
ST SHCS CR QUADRA 507 BLOCO A LOJA 61 - ASA SUL - BRASÍLIA / DF CEP 70.351-510
Fone: (61) 3326-3168
Horário de funcionamento: Das 08h às 12h e das 13h às 17h

Filial
Telefone: (11) 3361-2098
Horário de funcionamento: Das 08h às 12h e das 13h às 17h

Filial
Telefone: (81) 3132-8336
Horário de funcionamento: Das 08h às 12h e das 13h às 17h

Site: www.cobap.org.br | e-mail: cobap@cobap.org.br

Cobap - Copyright ® 2015, Maquinaweb Soluções em TI - Todos os direitos reservados. All rights reserved

Desenvolvido por Maquinaweb